Legislativo de Petrolina: enquanto bancada governista cria desafetos, oposição: coesa, ganha espaços

2019, ano de mudanças no cenário interno da Câmara de vereadores de Petrolina sertão de Pernambuco. Pelo menos é o que promete a atual mesa diretora da Casa.

Com a reforma administrativa, aprovada em dezembro de 2018, além de ser estipulado um número máximo de contratações e a garantia de realização de um concurso público para Casa, foi proposto também aumento de salários de funcionários e  mudanças no espaço físico interno, especialmente na sala de imprensa que diga-se de passagem, atualmente parece mais um puxadinho onde se descarta trecos.

Mudanças também aconteceram na composição das Comissões Permanentes – órgãos técnicos da Câmara, constituídas por vereadores/as, com funções consultivo – opinativas, em caráter permanente ou transitório e destinadas a proceder estudos e emitir
pareceres especializados sobre matéria sujeita à deliberação ou à ação do Legislativo Municipal, sob diferentes aspectos, a realizar investigações ou a representação social da Câmara ( T. VI, Cap. I, Art. 30 R.I.). As vagas nas comissões tem observância de critérios de representação proporcional dos partidos políticos, mediante escolha dos respectivos líderes.

Estas comissões são compostas por quatro vereadores os/as quais compõe os seguintes cargos:

Presidente, Relator, Secretário e Suplente.

Na Câmara de vereadores de Petrolina foram criadas as seguintes comissões:

1 – JUSTIÇA, REDAÇÃO E LEGISLAÇÃO PARTICIPATIVA

2 – FINANÇAS E ORÇAMENTO;

3 – OBRAS, SERVIÇOS PÚBLICOS E NEGÓCIOS MUNICIPAIS;

4- EDUCAÇÃO, CULTURA, ESPORTE E JUVENTUDE;

5 – SAÚDE E ASSISTÊNCIA SOCIAL;

6 – AGRICULTURA, INTERIOR E MEIO AMBIENTE;

7 – DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA;

8 – DEFESA E PROTEÇÃO AO DIRETO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE;

9 – DEFESA E DIREITOS DA MULHER.

Ainda de acordo com o Regimento da Casa, o  tempo de representação frente as comissões compreende o período de dois anos, os quais  terão que passar agora em 2019 por novo processo de escrutinação (votação).

Nesse período as bancadas costumam se articular para assumirem postos estratégicos frente as comissões e esse é um dos motivos os quais vereadores governistas iniciaram os trabalhos legislativos de 2019 meio que divididos. Alguns vereadores tentam disfarçar mas nas falas de outros as indiretas deixam claro que existe um descontentamento e um clima de desafeto na bancada da situação.

Em quanto que a oposição mais coesa – como afirma o vereador líder – Paulo Valgueiro – conseguiu, mesmo com um número de vereadores desproporcional ao da bancada governista, assumir lideranças e cargos em seis comissões.

A nova composição das comissões ficou da seguinte forma:

JUSTIÇA, REDAÇÃO E LEGISLAÇÃO PARTICIPATIVA ;

Presidente: Ruy Wanderley (PSC)

Relator: Manoel Coelho (PTB)

Secretário: Zenildo do Alto do Cocar (PSB)

Suplente: Elias Jardim (PHS)

FINANÇAS E ORÇAMENTO;

Presidente: Ronaldo Souza (PSDB)

Relator: José Batista (PDT)

Secretário: Osinaldo Souza (PTB)

Suplente: Zenildo do Alto do Cocar (PSB)

OBRAS, SERVIÇOS PÚBLICOS E NEGÓCIOS MUNICIPAIS; 

Presidente:  Rodrigo Araújo (PSC)

Relator: José Batista (PDT)

Secretário: Zenildo do Alto do Cocar (PSB)

Suplente: Osinaldo Souza (PTB)

EDUCAÇÃO, CULTURA, ESPORTE E JUVENTUDE;

Presidente: Maria Helena (PSB)

Relator: Cristina Costa (PT)

Secretário: Ruy Wanderley (PSC)

Suplente: Gabriel Menezes (PSL)

SAÚDE E ASSISTÊNCIA SOCIAL;

Presidente: Gilberto Melo (PR)

Relator: Manoel Coelho (PTB)

Secretário: Zenido do Alto do Cocar (PSB)

Suplente: Domingos de Crisália (PSL)

AGRICULTURA, INTERIOR E MEIO AMBIENTE;

Presidente: Gabriel Menezes (PSL)

Relator: Gilberto Melo (PR)

Secretário: Elismar Gonsalves (MDB)

Suplente: José Batista (PDT)

DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA;

Presidente: Gilmar Santos (PT)

Relator: Paulo Valgueiro (MDB)

Secretário: Osinaldo Souza (PTB)

Suplente: Maria Helena  (PSB)

DEFESA E PROTEÇÃO AO DIRETO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE;

Presidente: Alex de Jesus (PRB)

Relator: Ruy Wanderley (PSC)

Secretário: Cicero Freire (PR)

Suplente: Gilmar Santos (PT)

DIREITOS DA MULHER.

Presidente: Cristina Costa (PT)

Relator: Maria Helena  (PSB)

Secretário: Paulo Valgueiro (MDB)

Suplente: Alex de Jesus (PRB)

Confira as falas dos vereadores na live do cpcnoticias.com:

Publicado por CPC-Central Popular de Comunicação em Terça-feira, 12 de fevereiro de 2019